top of page

Câmara de Osasco concede Placa Comemorativa à IEQ Alto de Quitaúna



Templo da igreja evangélica na região completa 30 anos de atividades

Uma noite de louvor a Deus, comemoração e histórias de perseverança. Assim foi a Sessão Solene em comemoração aos 30 anos da igreja do Evangelho Quadrangular (IEQ) do Alto de Quitaúna, realizada pela Câmara de Osasco na noite da última quinta-feira (31). Proposta pela vereadora Lúcia da Saúde (Podemos), a solenidade promoveu a entrega de uma Placa Comemorativa à IEQ do bairro. “Essa Placa é de grande importância para mim e a todos vocês que estão aqui presentes. Estou muito feliz nesta noite", declarou a parlamentar, diante dos membros da igreja, que acompanharam a cerimônia no Plenário Tiradentes. Prevista pelo Decreto Legislativo 18/2022, a homenagem reconhece a igreja pelos trabalhos sociais e de evangelização em favor do município. Além de ser um lugar de bênçãos para muitas famílias, a igreja promove aulas de música, dança, doação de cestas básicas e oferece auxílio espiritual por meio do projeto “Puxando a Rede”, que leva a igreja até os bairros com um ônibus. Testemunhos impactantes na Tribuna mostraram como essas ações estão baseadas no amor. “O nosso esforço na região é amar as vidas, se achegar até essas pessoas que estão sedentas, cativas e levar esse evangelho que cura, que liberta, que transforma”, conta o obreiro Igor Costa Pereira. Na igreja há 11 anos, Pereira acredita que o trabalho na igreja também é importante porque favorece seu crescimento pessoal, espiritual e social.

Obra de família Hoje pastor auxiliar, Euclides Correia foi um dos responsáveis por erguer o templo onde a igreja funciona. “Em 1988, fui elevado a obreiro e, em 1993, começamos a obra em Quitaúna. Deus me chamou”, recorda. Na época, Euclides atuava junto ao pastor Edmundo. Após muito esforço e dedicação, a IEQ Alto de Quitaúna é uma obra sólida de evangelização. “Deus tem me abençoado e fico feliz quando vejo pessoas que fazem parte de um trabalho que eu fiz, que me honrou”, acrescenta pastor Euclides. Genro de Euclides, o pastor Ronaldo Bispo também recordou os 30 anos de luta do sogro. “Uma coisa que marcou muito foi quando a gente estava construindo o primeiro templo. O telhado caiu e as telhas atingiram o nariz desse homem”, relata. Mesmo diante das dificuldades, o pastor Euclides não esmoreceu e seguiu lutando pela obra e, após muito trabalho e dedicação, passou o bastão para a filha, a pastora Simone Sena, hoje titular da igreja. Grata pela homenagem, a pastora Simone deixa claro que o compromisso da igreja é abençoar a cidade. “Temos essa responsabilidade com as famílias, com o cidadão, de pregar o evangelho. Se tem uma coisa que transforma é o evangelho de Cristo”, finaliza.





9 visualizações

Comments


bottom of page