top of page

Fundo Social inicia Campanha do Agasalho 2023




O Fundo Social de Solidariedade de Osasco lançou segunda-feira, 22/05, no Teatro Municipal Glória Giglio (Avenida dos Autonomistas, 1.533, Vila Campesina), a Campanha do Agasalho 2023. Foram arrecadados dezenas de cobertores novos doados por munícipes e empresas. Os itens serão encaminhados a famílias em situação de vulnerabilidade social e pessoas em situação de rua da cidade.

O prefeito Rogério Lins, o deputado Gerson Pessoa, secretários municipais e vereadores participaram da cerimônia de abertura da campanha. Por motivos de saúde, a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Aline Lins, não pôde comparecer e foi representada pela diretora Silmara do Carmo.




Durante o evento foram apresentados dois vídeos. Um com depoimentos de famílias que no ano passado receberam doações de roupas e cobertores e um com mensagem dos influenciadores Igão e Cocielo, que apoiam a campanha de forma voluntária (sem receber cachê), convocando os munícipes a também fazerem doações.

“As previsões meteorológicas apontam que teremos dias muito frios em nossa cidade. Ficamos felizes por saber que contamos com o apoio e solidariedade da nossa população e também dos empresários. Somos muito gratos a vocês. Se necessário, vamos acolher novamente pessoas em situação de rua nos hotéis. É importante levar carinho e abrigo para quem precisa, mas também criar condições para que essas pessoas se capacitem e voltem ao mercado de trabalho e ao convívio social. É o que temos feito nos últimos anos com o nosso serviço de acolhimento institucional”, disse Rogério Lins.

Os cobertores a serem doados precisam ser novos e podem ser encaminhados para os seguintes pontos de arrecadação:

- Fundo Social de Solidariedade (Avenida Lázaro de Mello Brandão, 140, Vila Campesina);

- Campo do Vila Izabel (Avenida Eucalípto, 281, Cidade das Flores, na zona Sul);

- Creche Mundo da Criança (Avenida Getúlio Vargas, 990, Jardim Piratininga, zona Norte)

Os influenciadores Cocielo e Igão apoiam a campanha de forma voluntária, sem receber cachê.




2 visualizações
bottom of page