top of page

Morador de Osasco morre após atropelamento no km 24 da Raposo Tavares


Motorista de caminhão fugiu e foi preso após omissão de socorro

Márcio Moura, osasquense de 50 anos, morreu após atropelamento no km 28 da Rodovia Raposo Tavares, em Cotia (SP) na última quarta-feira (28/06).



Criado em Quitaúna e morador de Presidente Altino, Márcio Moura deixa a esposa Lílian e duas filhas menores de idade. O engenheiro era conhecido por fazer ações sociais na cidade. Era ligado ao esporte, praticante de ciclismo, corrida e futebol.

A polícia da cidade da região metropolitana de São Paulo identificou e prendeu um motorista de caminhão responsável pelo homicídio culposo.



O condutor fugiu do local após o acidente e foi detido na quinta-feira (29). Conforme a polícia , o motociclista - um engenheiro de 50 anos - caiu na rodovia após um Corsa colidir contra sua moto. Em seguida, ele foi atropelado pelo motorista do caminhão, que o arrastou pela via e fugiu sem prestar socorro.

Segundo Mônica Gamboa, delegada responsável pelo caso, o motorista do caminhão foi indiciado por crime de homicídio culposo (art.302), majorado pela ausência de socorro à vítima. A Polícia ainda busca identificar o condutor do Corsa envolvido no acidente.

8 visualizações

Comments


bottom of page