top of page

Prefeitura de Jandira inicia maior plano de sinalização viária da história da cidade



O projeto incluirá a recuperação e a modernização dos semáforos, além da implantação de uma Central Semafórica

Com o objetivo de proporcionar mais segurança, acessibilidade, inclusão e mobilidade à população, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana e Transportes - SETRAN, iniciou, neste mês, o maior plano de sinalização viária da história de Jandira.

A operação iniciou pelo Centro, onde estão sendo implantadas novas sinalizações e revitalizadas as já existentes.

"A ideia é fechar o plano com todos os elementos necessários para uma efetiva sinalização viária. É muito mais do que pintura de solo. É, de fato, a execução de um plano estruturado e baseado em estudos para melhorar a mobilidade urbana de Jandira e dos que visitam a cidade", explicou Alexandre Jurcovichi, secretário responsável pela pasta.

A segunda etapa do plano focará nos bairros, começando pelo entorno das escolas municipais e, dependendo da complexidade do viário local, serão realizadas pesquisas de opinião com pais/alunos e gestores das escolas. A pesquisa buscará conhecer as rotas utilizadas no trajeto casa-escola-casa e a percepção das condições de segurança viária nessas rotas, modo de viagem e qualidade da acessibilidade com foco no embarque e desembarque dos alunos.

"Nosso objetivo é transformar Jandira em uma cidade referência em sinalização na região. Vias bem sinalizadas não deixam a cidade só mais organizada. Ela fica mais segura, mais fluida e muito mais atrativa para empreendimentos e investidores", completou Jurcovichi.

Vale ressaltar que alguns serviços estão sendo feitos durante a noite para causar menos impacto no trânsito e menos transtornos à população durante o seu período de execução.


Recuperação de Semáforos e Central Semafórica

Ainda está prevista a recuperação e modernização dos semáforos nas principais vias, além da implantação de uma Central Semafórica onde será possível a comunicação de erros em tempo real, que acionará equipes de manutenção da sinalização.

“O sistema permite não só o monitoramento, mas também que alguns reparos possam ser realizados remotamente. Por vezes ficamos sabendo da quebra ou queda de energia de um semáforo após horas, através de telefonemas de munícipes, pelos agentes de trânsito ou pela nossa guarda municipal”, enfatizou Jurcovichi.

“Com a implantação da Central, que ocorrerá nos próximos dias, será possível interagir com os controladores em tempo real e operar os cruzamentos que necessitam, ocasionalmente, da alteração imediata do tempo semafórico, de acordo com o que ocorre na via, seja em decorrência de algum acidente, interdições não programadas ou veículos em pane”, completou o secretário, explicando sobre como funcionará o sistema.



2 visualizações

Comentarios


bottom of page