top of page

Prefeitura entrega viaduto de acesso ao residencial Miguel Costa



A Prefeitura de Osasco inaugurou no sábado, 5/3/2022, o Viaduto Pedro Lins Wanderley, construído para facilitar acesso de moradores e seus veículos ao conjunto habitacional Miguel Costa, em Quitaúna. A entrada de pedestres ao residencial era feita por meio de uma passarela. Os veículos ficavam em um estacionamento provisório fornecido pela prefeitura, próximo às unidades habitacionais.



O viaduto, que passa por sobre a Avenida dos Autonomistas, leva o nome do avô do prefeito Rogério Lins, que esteve na cerimônia de entrega da obra acompanhado do pai, Uriel, da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Aline Lins, secretários municipais e vereadores, entre os quais o presidente da Câmara Municipal, Ribamar Silva.



A obra – tem cerca de 700 metros, duas pistas, rotatória, alça de acesso à área militar do Exército, guias e sarjetas e iluminação – vai beneficiar cerca de 4.500 pessoas.

Com o viaduto, o quartel do Exército passará a contar com um acesso mais regular e a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) poderá fechar a passagem em nível, eliminando em definitivo riscos de acidentes.



A estimativa é de que 1.150 veículos leves transitarem no local diariamente, além de linha urbana de ônibus. A estrutura está dimensionada para suportar veículos pesados de até 60 toneladas.

No ato de inauguração, Rogério Lins lembrou dos imbróglios que envolveram CPTM e Exército, que impediam a circulação de moradores e seus veículos pela passagem de nível (sobre os trilhos) nas proximidades do residencial. “Eu me lembro muito bem do que aconteceu na ocasião (início de 2019). Já estávamos pavimentando para entregar as chaves às famílias e houve aquela situação (o entrave envolvendo CPTM e Exército). Não tivemos outra alternativa e judicializamos a questão. A falta de acesso às moradias é algo que atrapalhava muito as famílias. Mas tudo foi resolvido e o sonho virou realidade”, disse o prefeito.



De acordo com o chefe do Executivo, a entrega do viaduto não coloca um ponto final na página da história de construção e entrega do Miguel Costa. “Vamos transformar o conjunto em um bairro com toda infraestrutura. Vamos construir aqui uma escola, uma Unidade Básica de Saúde (UBS) e uma área de lazer”, finalizou.


6 visualizações

Comments


bottom of page