top of page

Legislativo aprova Moção de Reconhecimento à Fundadora da Associação Camila




Documento destaca atuação da assistente social Gilma Rossafa em Osasco A assistente social e fundadora da Associação Camila, Gilma Rossafa, foi destaque nesta terça-feira (28), durante a 14ª Sessão Ordinária da Câmara de Osasco. Gilma, que participou da Sessão, recebeu a Moção 79/2023, de autoria da vereadora Elsa Oliveira (Podemos), em reconhecimento a sua história de superação. O documento, aprovado por unanimidade em plenário, reconhece Gilma como uma mulher de fibra, que superou um momento de muita dor para “arregaçar as mangas” e se posicionar como uma “agente de transformação” na região do bairro Jardim Conceição. “Gilma teve a filha envolvida em um episódio de violência e, 40 dias depois, bem no Dia das Mães, a Camila não resistiu e veio a falecer”, recordou a vereadora Elsa, ao falar sobre o contexto que motivou a criação da Associação que leva o nome da filha da homenageada. A morte de Camila aconteceu no dia 12 de maio de 1997 e, desde então, Gilma começou a luta par encontrar paz. “Anos depois, ela transforma essa dor em luta e funda a Associação Camila”, completou Elsa Oliveira. A associação atua na defesa dos direitos sociais e pela promoção da cultura de paz, por meio do atendimento a crianças, adultos e idosos, em ações articuladas com a assistência social, escolas e Conselho Tutelar. A vereadora Lúcia da Saúde (Podemos) enfatizou o trabalho de Gilma na Secretaria de Saúde. “Na Saúde, essa mulher mandou muito bem e foi bem na época em que trabalhamos juntas. Ela fez um grande trabalho em prevenção com as mulheres, crianças e idosos como diretora e deu exemplo de gestão”, disse. O vereador Batista Comunidade (Avante) parabenizou a colega Elsa pela moção e pela escolha do nome de Gilma. “Tive a oportunidade de conhecer essa mulher na minha primeira eleição. Uma pessoa super respeitosa. Quero deixar um forte abraço e que Deus possa continuar te dando força para continuar tocando os teus sonhos”. Já o presidente da Câmara de Osasco, vereador Carmônio Bastos (Podemos), parabenizou Gilma pelo trabalho e frisou sua competência. “Em qualquer departamento para cuidar de pessoas, a Gilma vai bem”, comentou. O vereador Josias da Juco (PSD) enfatizou a importância do trabalho de Gilma e de instituições como a Associação Camila na formação de jovens. Ele citou o caráter preventivo das ações da Associação, em contraponto à tragédia ocorrida na última segunda-feira (27), quando um aluno de 13 anos matou uma professora a facadas e feriu outras pessoas em uma escola estadual na Zona Oeste da capital paulista.

4 visualizações

Commentaires


bottom of page