top of page

Região de Osasco participa com 1% do PIB estadual no primeiro trimestre do ano


Levantamento divulgado quinta-feira, 29/06, pela Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados Estatísticos (Seade), aponta que aumentou em 1% a participação da região de Osasco no Produto Interno Bruto (PIB) do Estado em comparação com o primeiro trimestre de 2022. O mesmo ocorreu na Região Metropolitana como um todo. Em Guarulhos, por exemplo, foi de 0,7%, mesmo índice do município de São Paulo.

Segundo o Seade, nos primeiros três meses deste ano, a região de Osasco teve participação de R$ 80.678 milhões no PIB estadual. No primeiro trimestre de 2022, a participação foi de R$ 73.960 milhões.

No acumulado do ano passado, a participação da região de Osasco no PIB estadual foi de 9,8%, acima de outras regiões industrializadas, como Guarulhos (5,5%) e ABC paulista (5,4%). A participação do município de São Paulo foi de 29,5%. A Região Metropolitana de São Paulo (que compreende a capital paulista e outras 39 cidades, incluindo Osasco) respondeu, em 2022, com 50,2% do PIB estadual).

Compõem a região de Osasco os seguintes municípios, além da própria cidade: Barueri, Caieiras, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Embu, Embu-Guaçu, Francisco Morato, Franco da Rocha, Itapecerica da Serra, Itapevi, Jandira, Juquitiba, Pirapora do Bom Jesus, Santana do Parnaíba, São Lourenço da Serra, Taboão da Serra e Vargem Grande Paulista.

Osasco é atualmente a segunda economia do Estado e a sétima do País e figura entre as cidades brasileiras que mais atraíram empresas e geraram emprego e renda nos últimos anos.

2 visualizações

Comments


bottom of page